Monday, September 15, 2008

Sejamos ecléticos

Se tem uma coisa que me diverte é ouvir cds usando o Windows Media Player com o plug-in de letras do Vaga-lume ativado. Quando o WMP não identifica cantor e nome da faixa, sendo assim Autor Desconhecido - Faixa 16, o Vaga-lume fica tentando adivinhar qual música está tocando, e eu sempre tenho surpresas agradáveis.
Agora, por exemplo, estou ouvindo It Must Have Been Love, da Roxette, e acompanhando a letra de Convite de Casamento, de Gian & Giovani.
Coisa linda.

"A gente morou e cresceu na mesma rua
Como se fosse o sol e a lua
Dividindo o mesmo céu
Eu a vi desabrochar, ser desejada
Uma jóia cobiçada
O mais lindo dos troféus"

Poesia pura, vai dizer que não.

7 comments:

Anonymous said...

Fico imaginando uma mulher moderna escutando/lendo este trecho:

"Eu a vi desabrochar, ser desejada
Uma jóia cobiçada
O mais lindo dos troféus"

Realmente lindo...hahaha

Ton-Kun said...

Ok, admito que me perdi... Você foi ou não irônica?!?

Bel. said...

Você acha mesmo que teria alguma possibilidade de eu não estar sendo irônica ao dizer que aquela letra sobre uma mulher desabrochando e sendo um troféu é poesia pura?
Sério?
Preciso rever meus conceitos sobre mim mesma.

De qualquer forma, sempre que surgir a dúvida parta do pressuposto de que eu estou sendo irônica. É mais garantido.

Bel. said...

Peraí.
Ton-kun foi irônico ao perguntar se eu fui ou não irônica?
Me perdi nas ironias.

Ton-Kun said...

Viu? Isso que tá confuso... Oh god... XD

Cabia tanto um comentário sincero quanto ironia ali... Então... Esquece... A última sinapse deu blecaute no meu cérebro...

Ton-Kun said...

Declaro minha derrota...
Sabe quando você sente que deixou escapar alguma coisa? Pois é...
O marcador deste post é "Ironias"...
Sem mais comentários...

Thami said...

A Bel nunca é irônica.
Nem eu.