Sunday, May 11, 2008

Mentalidade infantil ou A triste história do bina

Ou ainda, Uma descoberta chocante

[nunca consigo pensar em título e agora tenho três ¬¬]

Após alguns problemas com pessoas passando trotes agressivos e obscenos no telefone da minha casa, meu pai resolveu comprar um bina. E a vida foi feliz e agradável, e uma nova diversão encontrada pela minha família foi a de ligar de volta para os números que haviam nos telefonado, e assim assustar tais pessoas.

Depois de três longos e alegres anos, o bina estragou. Tornou-se um aparelhinho insignificante e sem vida. Foi mesmo um acontecimento triste, mas eu supero. Passados alguns dias de luto, meu pai resolveu que era hora de deixar nosso bina no passado, e foi comprar outro [com o qual eu não simpatizo]. O antigo bina foi então colocado em cima do balcão da cozinha, sabe-se lá por que razão. Não somos pessoas muito organizadas na minha casa, acredito eu. Durante um almoço meu pai e eu de repente começamos a olhar o bina, e meu pai disse, com total desapego, que iria jogar fora aquele treco que não funcionava mais.

Foi aí que eu comecei a pensar em como seria legal ser criança e ficar feliz quando o aparelho estragou, porque aí eu poderia pegá-lo para mim e brincar de tantas coisas. Aquilo seria um caixa de supermercado, um leitor de cartão de crédito, o lugar onde eu teria que digitar minha senha para entrar no meu escritório de detetive particular, um interfone, perto do qual eu diria "pode mandá-lo entrar" para a minha secretária, um aparelho de pressão, uma campainha, e milhares de outras coisas que passaram pela minha cabeça naquele instante.

É muito triste um mundo no qual um bina estragado é só um bina estragado. Crianças são muito mais felizes. Não quero deixar de ser uma.


E sim, 'bina' é uma palavra masculina. O Darllam que mostrou.
Tão triste quando essas descobertas assim acabam com 18 anos de crença de que 'bina' era menina.

6 comments:

Thami said...

Mais uma decepção,
pra mim já é demais.

vou incluir " Bina é menina" no meu protesto.

Ps. sim eu ignorei todo o post, porque não quero que seja O Bina.

Ps2: esse negócio de comentar sempre tá me lembrando alguém.
Vou parar com essa vida antes que seja tarde.

Ps3. freaking parei agora, sério.

Thami said...

Ps4 do 'juro que eu parei agora.': Obina não é o jogador do Flamengo?
Ele identifica números de chamadas?

não queria tumultuar seu blog.
desculpa.

Bya Magoliver said...

Hum.
Eu sou criança. \o/

Vc não gosta que comentem em seu blog (olhando recados de Thami)?

Ichhh...

Sorry, then.

Thami said...

ela goooosta siim Bya \o
o meu comentário ali foi uma piada interna ^^

ela gosta sim!

Bel. said...

Gooosto o/
pode comentar sempre que quiser


estranho eu comentar no meu próprio blog ~.^

Bya said...

Ahhhhhhhhhhhh

que booom!
pq eu adoro comentar...eu sou comentarista de blogs..huahuahuahuahua

Aaaa.. manda a placa pro byamagoga@hotmail.com

Beijoooo!