Tuesday, January 01, 2008

Oh, to hell with the stupid title ¬¬

Vou arrumar minha cama [porque a sociedade espera que eu o faça, não por achar que isso seja necessário, já que menos de 24 horas depois eu já voltarei a bagunçá-la, mas enfim] feliz [não a cama feliz e, hm, nem eu feliz, arrumar a cama é chato], e acho que me perdi, preciso recomeçar.

Vou feliz arrumar a minha cama, derrubo algo no chão, como de costume, e não se sabe por qual motivo desta vez olho a etiqueta do edredom que fica logo à minha frente quando me abaixo. Dou de cara com um SOLTEIRO escrito assim, gigante, na etiqueta. Não que eu tenha qualquer tipo de problema com isso, já que, hm, deixa pra lá, mas enfim, vai que ali no meu lugar está uma pessoa que tudo o que mais quer na vida é não estar solteira? Aí ela vai toda inocente arrumar sua cama e lá está a etiqueta, zombando. Só faltava ter um "lalala" escrito ao lado. Crueldade.

2 comments:

Ana Paula said...

excelente observação Bel, eu mesmo conheço umas 3 pessoas q poderiam cometer suicídio por isso, e uma das minhas "propostas" para 2008 foi me afastar deles, afinal esse ano quero tudo menos dar uma de psicóloga hehehe

Danuza said...

Que 'sacada' genial! [risos] embora me afete... não me agrada a palavra 'solteiro'. Vi outros textos teus por aqui também, indicados pelo Junior[lindo aquele menino!]. E fico grata por você compartilhar pedaços da sua vida de forma tão perceptiva. Lindo. Parabéns, porque você pode "ver".